Tag Archives: Pele

Como cuidar da pele do bebé

Cuidados com a pele do bebé

A pele do bebé é especialmente delicada e por isso é muito importante termos alguns cuidados para garantirmos que se mantém hidratada e evitarmos irritações e descamações.

Produtos de aplicação na pele

Devemos utilizar produtos próprios para bebé. Existem várias opções disponíveis, mas o princípio comum é evitar os perfumes e os irritantes dos olhos.

Devemos tentar ser consistentes nos produtos que utilizamos e escolher uma marca para toda a linha de produtos de higiene. Se o bebé se dá bem com essa marca devemos manter e não utilizar linhas diferentes com as quais pode ter reações variadas, inclusivamente alérgicas.

Para lavagem no banho temos os cremes lavantes, que usualmente se aplicam em pequena quantidade com uma toalha de rosto, luva ou pano ou com as mãos. Usualmente utilizo duas “doses” de creme lavante, a primeira espalho com a toalha de rosto para lavar o cabelo e depois as pregas e o resto do corpo. A segunda aplico diretamente na água do banho.

Também existe o creme lavante para a zona da fralda, que deve ser lavada antes do banho (para não sujar a água onde vamos lavar o resto do corpo). A maioria das opções não requer enxaguamento e pode ser aplicado com compressa húmida na zona da fralda de frente para trás.

Depois do banho é importante utilizar creme hidratante, que, no caso dos bebés, costuma ser de face e corpo. Devemos lembrar-nos de aplicar nas zonas onde os bebés transpiram mais e que, por isso, têm mais tendência a pele irritada – o pescoço, atrás das orelhas, as axilas, as virilhas e atrás dos joelhos.

Aplicação de creme na pele do bebé. Imagem digital. Howcast. Web. 15 de Agosto de 2017. <www.howcast.com>

Secagem da pele

A pele deve ser sempre bem seca a seguir ao banho, com uma toalha de algodão turca o mais grossa possível (para que absorva bem a água e não fique logo completamente encharcada) com pequenos toques ao longo da pele (sem esfregar) e insistindo atrás das orelhas, nas axilas, no pescoço, virilhas e atrás dos joelhos.

Frequência dos banhos

Os banhos são uma das razões mais frequentes para irritação da pele porque a água morna e os cremes lavantes retiram os ácidos gordos da pele, que a mantêm hidratada.

Por este motivo está recomendado que os bebés tomem banho 2-3 vezes por semana. Nesta altura de Verão, em que os bebés transpiram mais, o banho pode ser diário. Cá em casa dou banho diariamente. Nestas situações em especial, o banho deve ser rápido, apenas o tempo suficiente para lavar o bebé e devemos utilizar sempre creme hidratante a seguir. Quando a pele está mais irritada podemos inclusivamente aplicar o creme com a pele ainda húmida, para ajudar a “manter” a água nas células da pele.

A zona da fralda

Para evitar irritações desta zona (dermatites) ou infeções fúngicas (candidíase) devemos manter esta zona o mais seca possível, mudando a fralda sempre que estiver muito húmida ou com cocó. Hoje em dia as fraldas descartáveis são muito absorventes e evitam este tipo de complicações. Nos bebés com mais tendência a irritações da pele nesta zona, devemos procurar fraldas com absorção extra para o período da noite, para não termos de acordar o bebé.

Sempre que mudamos uma fralda com cocó devemos aplicar creme barreira. Nos casos de irritação da pele devemos aplicar cremes reparadores, que incluem zinco na sua composição (como por exemplo o CicalfateⓇ, o MitosylⓇ ou o EryplastⓇ) em todas as mudanças de fralda.

O creme barreira funciona exactamente como uma barreira à entrada de humidade na pele mas também não deixa a pele “respirar”, daí que não deva ser aplicado em todas as mudanças de fralda. Como a minha bebé tem tendência as irritações na zona da fralda, eu utilizo creme reparador; quando a pele está irritada aplico em todas as mudanças de fralda, quando está bem aplico apenas quando a fralda tem cocó.

A zona da boca

Esta zona fica muitas vezes irritada quando os bebés se começam a babar e pelo contacto com a chucha.

Devemos limpar frequentemente a saliva. As chuchas devem ser “ventiladas” (ou seja, ter orifícios que permitam a saída de saliva) e, hoje em dia, existem chuchas com abas flexíveis que irritam menos a pele.

Proteção solar

Devemos aplicar creme solar com fator de proteção superior a 30, preferencialmente 50+, sempre que saímos com o bebé à rua nos meses de Maio a Outubro e evitar exposição solar direta dos bebés com menos de 6 meses (preferencialmente até aos 12 meses) e sempre nas horas do calor (11-16 horas).

Temperatura ambiente

Com o calor os bebés transpiram e a pele fica irritada sobretudo na zona do pescoço, axilas, parte da frente dos cotovelos e parte de trás dos joelhos. Podem aparecer pequenas borbulhas vermelhas interpostas por pele normal, a que chamamos sudamina e que podem dar comichão.

Para evitar esta irritação, devemos vestir o bebé com roupas largas e leves. O bebé deve utilizar até mais uma camada de roupa do que o adulto. Devemos ajustar a forma como vestimos o bebé ao nosso grau de conforto com as roupas que temos vestidas.

No Inverno é comum utilizarmos aquecimentos que secam o ar. Por este motivo devemos investir num humidificador, para evitar que a pele fique seca e que o nariz inflame. Devemos limpar frequentemente o humidificador para que não apareçam fungos.

Lavagem da roupa

Os detergentes com que lavamos a roupa devem ser o mais livres possível de perfumes; existem no mercado várias opções para bebé.

A roupa pode ser seca na corda ou no secador mas na corda está mais sujeita a retenção de pólens que podem causar alergias da pele e do nariz. A temperatura do secador é suficiente para diminuir a quantidade de bactérias na roupa e comparável a engomar.

A pele é o nosso maior órgão pelo que devemos cuidar dela com especial atenção, sobretudo nos bebés em que é mais frágil e pode causar desconforto.